Comparativo tênis de corrida c/ + de 300km.

Comparar modelos que tem mais ou menos o mesmo preço no Brasil acaba virando algo bem pessoal. É mais pelo gosto que pelo desempenho. O mesmo tênis num pé mais largo pode causar uma impressão totalmente diferente que num mais estreito.

Adidas, Newton, Spira, Nike e Puma
Todos bem rodados, mas ainda vivos.

Já fiz treinos de mais de 30km com todos os modelos da foto, também fiz corridas mais curtas e rápidas, corri na chuva, na esteira e com alguns até em estradas de terra. Tenho alguns preferidos, mas sem dúvida por características pessoais e não seria justo apontá-las pois podem ser diferentes das suas. Abaixo deixo os modelos bem usados que tenho em casa. Veja que os tamanhos variam, o importante é que o pé fique confortável.

Newton Gravity

  • Peso: 300gr. 1 pé tamanho 27cm.
  • Drop: Muito baixo (não tenho a informação).
  • Positivo, desenvolvido para aterrizar com o ante pé imitando uma corrida descalça. Já tem modelos mais atuais.
  • Negativo, num terreno pedregoso furei a sola e agora escuto o pé esquerdo soltar ar ao pisar. Comparativamente aos outros, a frente mais alta não favorece o modelo nas curvas e se o chão estiver molhado pior.

Spira Stinger 3

  • Peso: 260gr. 1 pé tamanho 27,5cm.
  • Drop: 8mm.
  • Positivo: leve, simplista e largo. Tem cara de tênis de prova, mas é muito durável.
  • Negativo, a tecnologia com molas ainda faz o modelo rangir depois de muito uso.

Puma Mobium Elite

  • Peso: 270gr. 1 pé tamanho 26,5cm.
  • Drop: Muito baixo ou zero (Não tenho a informação).
  • Positivo, meu pé não desgastou a palmilha como os outros e se fosse usar fora das corridas usaria esse. É o que mais facilita a técnica de pisar com o ante pé.
  • Negativo, rasgou na dobra do ante pé e meus tênis não costumam rasgar.

Adidas Energy Boost 2

  • Peso: 325gr. 1 pé tamanho 41
  • Drop: 12mm, alto para meu gosto
  • Positivo, agarre em piso molhado e nova tecnologia de amortecimento mais leve que EVA. Calcanhar reforçado e maleável no cabedal.
  • Negativo, estreito para meu pé e calcanhar alto para meu gosto.

Nike Free 2

  • Peso: 255gr.
  • Drop: baixo (não tenho a informação)
  • Positivo: Calcanhar é mole, mas não deforma ao pisar, uso em qualquer tipo de treino ou prova e ocupa pouco espaço na mala.
  • Negativo, talvez por ser parcialmente impermeável ele não facilita a ventilação como os outros. Veste o pé como uma meia, mas talvez alguns formatos de pé fiquem fora do padrão da marca.

O solado de todos eles tem desenhos e formatos diferentes, mesmo assim ainda aguentam pelo menos o dobro da quilometragem atual sem comprometer.

São opiniões pessoais de acordo com meu uso, rotina, formato de pé, biomecânica de passada e gosto. Espero que você também faça boas escolhas.

Enzo Amato.

Spira Stinger 3

A evolução que faltava!

Recebi da Spira Footwear Brasil, o Spira Stinger 3 e aqui deixo minha opinião.

Spira Stinger 3

É dos meus tênis preferidos para correr forte, ou rodar, tem drop de 8mm (diferença de altura do calcanhar para o ante pé), é muito leve, só 220gr. tem a trama espaçada que ventila bem os pés e tem uma tecnologia inovadora de amortecimento com molas, WaveSpring, que promete manter o mesmo amortecimento por muito mais tempo que os concorrentes. É muito bom para provas e pode ser usado nos treinos também, já que a durabilidade tanto do solado quanto do amortecimento é maior. Tem a fôrma larga, para pisada neutra, é simplista e puramente funcional, feito para correr! Bom para asfalto e academia, tem bom agarre e apesar de parecer ter a sola lisa, mesmo depois de muitos kms rodados ela continua como nova, mas não serve para trilhas.

Me desapontei com o modelo anterior porque as molas faziam barulho por causa da sujeira que entrava na sola vazada, o modelo 3 é fechado, e com essa correção ele voltou para minha rotina de corridas.

Preço sugerido R$449 Clique aqui e visite o site oficial.

Depois dos 100km de corrida:

  • Sola está como nova, a aparência geral também e não faz ruído como o 2 fazia.

Depois de 300km rodados:

  • Ainda está por vir…

Enzo Amato