Artigos e notícias

Especialista lista os benefícios do treino de membros superiores para mulheres – 12/06/2015

Artigos e notícias – Voltar para "Mulher"Voltar para artigos e notícias


Existem alguns conflitos quando o assunto é musculação feminina, muitas mulheres quando começam a treinar têm como objetivo apenas ganhar curvas ou perder peso e, na maioria das vezes, não querem ou esquecem das séries para os membros superiores. Para quebrar todos os tabus e esclarecer as dúvidas para este tipo de atividade, Natalia Bruzzone, professora da Smart Fit, maior rede de academias da América Latina, lista alguns benefícios e indica exercícios para essa parte do corpo.

Segundo ela, muitas mulheres evitam o treino de força por ter a ideia errada de que os braços, costas e ombros vão ficar grandes. “O treinamento de força é importante em termos de construção da densidade óssea. Ele tem como finalidade ajudar a corrigir a postura e é ótimo para a perda de gordura. Além disso, a testosterona é o principal hormônio responsável pelo aumento da massa muscular e mulheres possuem apenas uma pequena fração dele em comparação aos homens, por isso o ganho de massa é bem mais difícil”, explica Natalia, que reforça, “com esses exercícios podemos ter uma musculatura saudável e sermos mais resistentes a lesões”.

Confira algumas das vantagens que devem ser levadas em consideração antes de deixar o treino de membros superiores de lado na academia:

– Reduz aquela gordura que fica à mostra nas blusas regatas;

– Deixa a musculatura do tríceps, o famoso “tchauzinho”, firme e definida;

– Evita tendinites e bursites;

– Para mulheres que têm filhos ou carregam muito peso, este tipo de fortalecimento é essencial para evitar lesões e dores.

Aposte nas seguintes atividades para os membros superiores:

Supino máquina – Para trabalhar a região da musculatura de peitoral. Sentada, mantenha os pés apoiados no solo, segure nos pegadores deixando o punho reto. Basta então realizar a extensão e flexão dos cotovelos.

Remada fechada máquina – Trabalha a musculatura das costas. Sentada de frente para a máquina, segure os pegadores e traga-os até o cotovelo chegar na linha das costelas. Sempre mantenha o cotovelo próximo ao corpo. “Podemos adaptar o exercício para dentro de casa. Em um colchonete, deite-se com a barriga para baixo, apoie os joelhos no solo e empurre o tronco contra o chão, flexionando-o para cima e para baixo. É importante manter os braços abertos com o cotovelo na linha do ombro e formando ângulos de 90 graus”, explica a professora.

Elevação lateral – Trabalha a musculatura dos ombros. Neste caso, em pé segure dois halteres, um em cada mão. Mantendo os cotovelos semi flexionados, eleve os braços até a linha dos ombros, simultaneamente.

Tríceps testa – Trabalha a musculatura do “tchauzinho”. Deitada em um banco ou colchonete, segure o halter pelas extremidades do peso. Mantenha seus braços retos, com os cotovelos na mesma linha dos ombros e faça a flexão e extensão dos cotovelos, levando o peso em direção à testa e depois trazendo de volta para a posição inicial. “Em casa a pessoa pode optar por executar o exercício com a ajuda de uma cadeira, deixando os joelhos sempre flexionados”, comenta Natalia.

Rosca Martelo – Trabalha a musculatura do bíceps. Em pé, com os braços relaxados para baixo, segure firmemente nas mãos os halteres. Levante os pesos realizando a flexão e a extensão dos cotovelos até formar com eles um ângulo de 90º.

Fonte: Agência Ideal – Foto: Shutterstock

Ferramentas

2013 © Midia Sport - Todos os direitos reservados | Política de privacidade | Termos de uso